DIAGRAFIAS

As diagrafias surgiram devido à dificuldade em saber qual seria a profundidade exata da amostra retirada durante a perfuração e com o objectivo de efetuar um melhor dimensionamento da coluna de revestimento do furo (posição dos tubos ralos). Estas são técnicas de “medição” que têm em conta as propriedades físicas da geologia sondada, dando assim conhecimento exato da litologia perfurada.

Normalmente nos furos são efectuadas diagrafias eléctricas e nucleares conseguindo-se tirar ilações sobre:
• A litologia e biostratigrafia, avaliar a existência de materiais argilosos/pelitos e detectar espécies minerais;
• A qualidade (salinidade) da água aquífera;
• A Resistividade real e dar indicações sobre os estratos permeáveis e sua porosidade, dando indicação sobre os possíveis aquíferos.

Pedir Orçamento!